Início > Gerenciamento de Projetos, Scrum > Scrum – Shipping Software

Scrum – Shipping Software

Como primeiro resumo do capítulo 1, “Shipping Software” do livro “Professional Scrum with Team Foundation Server 2010”, os autores falam sobre o projeto como um todo e como organizar o desenvolvimento com Scrum. Como sou leigo no assunto, acabei discutindo algumas questões com a equipe que atualmente coordeno na empresa.

Scrum é uma metodologia de desenvolvimento de software com processo iterativo, aonde existe um escopo inicial do que deve ser desenvolvido e as entregas são divididas em “sprints” que consequentemente são compostas de novos módulos, melhorias, correção de bugs. Scrum prevê que sempre haverá alterações no escopo do projeto (como acontece na maioria das vezes), e que o projeto vai criando valor no decorrer do seu desenvolvimento.

Scrum é baseado em desenvolvimento Agil (Agile) aonde o objetivo é entregar a maior quantidade de “features” sem perder tanto tempo documentando. A idéia é planejar e executar.

As metodologias MSF (Microsoft Solution FrameWork) e WaterFall são comparadas com Scrum.

Microsoft Solution FrameWork

O MSF é uma metodologia parecida com Scrum, aonde existe iteratividade no desenvolvimento. Ele prega que o projeto pode mudar seu escopo, profissionais, tecnologia depois de iniciado. A ideia é desenvolver vários releases, sendo que cada um deles passa por um processo de visão/escopo, aprovação do plano de projeto, desenvolvimento, validação do release e entrega.

Diferente do Scrum, teoricamente um release não pode ser entregue com Bugs, ou seja, dentro de uma entrega existem várias iterações para que o produto seja entregue com a qualidade esperada.

WaterFall

É o método que vejo ser mais utilizado dentro das empresas e que foi uma das primeiras metodologias a serem especificadas. Acredito até que os profissionais ficam “preso” nessa forma de trabalho.

Essa metodologia prega a necessidade de um grande trabalho de planejamento e documentação (algumas  vezes chamado de blueprint). Prazos são especificados, cronogramas (característica para o Gráfico de Gantt) são desenvolvidos e então se inicia o desenvolvimento. Qualquer alteração de escopo implica em um grande trabalho de gerenciamento de mudança, aonde é necessário analisar documentação, escopo, prazo, custo, risco, comunicação. Dependendo do tamanho do projeto, existe um comitê de mudanças para avaliar a viabilidade das tarefas.

Essa metodologia é indicada para projetos que tem um escopo bem definido, aonde o cliente sabe exatamente como deve ser desenvolvido. Será que existe algum cliente assim? Eu não conheço! 🙂

Vejo que o PMI prega muito essa metodologia, procurando controlar todas as suas áreas para que nada saia do controle

Citações

Sublinhei no livro conceitos que achei importante nesse capítulo e repasso para fortificar esse post.

“The fundamental concept is to put customer value at the center of everything you do. While maximizing customer value, you also maximize your team´s productivity and predictability with each release, create a sustainable team environment for shipping great software.”

“It´s one thing you have great vision; it´s quite another to turn that vision into a great product.”

“The product owner, who fills the product management role in Scrum, is embedded in the Scum team and is counted on to know the user intimately. This person must know the user´s likes and dislikes, tolerances, and aspirations. The product owner  must know what the users love, what they don´t like, and what they don´t care about. Essentially, the product owner´s insight into user needs is essential.”

“Iterative nature – The product features are defined iteratively and frequently. They come in and out of scope based on product owner decisions, whish directly impact the value of the product.”

“For instance, planning a project using a traditional software development methodology involves allocating time for requirement definition, design, development, testing, user acceptance, release management, and support.”

“Because of these unknowns and the fixes constraints in the triangle, you simply cannot offer a fixed-cost commitment for a fixed-feature product. You therefore have two alternatives: Vary the cost or vary the features. If you must deliver a fixed budget, then the answer is simple: Vary de features.”

“The geometry of the project management triangle, with constant angles, dictates the fact that you cannot change just one side of the triangle without adjusting the others. If you increase de features, then you´ll in increase the time and coast lines. If you increase time, then you´ll get more features, but it will cost more. If you want to decrease cost, you´ll spend less time and get fewer features.”

“Scrum is a iterative software development process. In a iterative process, a product undergoes many release, some major and some minor, with each release adding more value to the product. This type of process enable a team do delivery value to the customer early and to get feedback that can be quickly incorporated into future product development.”

Conclusão

Com essa definição do Scrum, eu entrei em um conflito pessoal ( 🙂 ) pois sempre trabalhei fortemente com escopo e prazo. Discutindo com minha equipe a respeito da metodologia, e com profissionais experientes que já trabalharam em vários projetos de muitas empresas eles comentaram:

– Vejo que o Scrum é muito bem aplicado em uma fábrica de software aonde a demanda é pela entrega de um produto específico, melhorias, correção de bugs. O Scrum Master é responsável por visualizar o andamento do projeto e se reportar para o cliente/chefe.

– Scrum não é aplicável, por exemplo, dentro de uma empresa financeira como bancos. Essas empresas tem o perfil de documentar e deixar claro o que deve ser desenvolvido e entregue. Qualquer alteração deve ser documentada e discutida.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: